Rodafonio, a roda musical que encanta todos

Um certo dia eu estava passando por algumas páginas que falavam de músicas em uma rede social e vi um pequeno vídeo de algo inusitado e super divertido. Era uma roda onde três músicos se apresentavam e mais duas pessoas ao lado pedalavam. Todos uniformizados e coreograficamente perfeitos. Mas não tinha nenhuma informação deles, nome ou qualquer outra coisa. Começaram então as buscas, até que apareceu uma tal de Factoría Circular, eram eles! Aquela roda espalhando alegria e diversão por onde passavam, os olhares hipnotizados das pessoas que os assistiam me encantaram e me hipnotizaram também. O espetáculo se chamava “Rodafonio” e foi uma das coisas mais lindas que já vi até hoje.

O Rodafonio foi criado por César Álvarez e sua esposa Andrea Cerchiaro em 2009, na Espanha. Depois de anos de trabalho em teatros de ruas e como músicos, eles queriam criar um projeto próprio, porém diferente de tudo que já tinham feito e então surgiu a “Factoria Circular”. Dentre muitas ideias, o Rodafonio foi o primeiro a sair pelas ruas e ganhar vida. “A poderosa imagem da roda mostra que ‘tudo é possível’ até mesmo as concepções mais ousadas.” disse Andrea que explicou ainda que o Rodafonio tem sido o deleite de todos os públicos.

dsc_03301-imp1

A roda tem 4 metros de altura, pesa meia tonelada e anda em uma velocidade de 3 km/hora. A companhia combina a geometria com a música, que nunca antes foram utilizadas juntas com fim de criar algo parecido. Ela conta com cinco artistas, sendo dois atores, Jaime Gonzalez e Eduardo Varela, e três músicos, Sebastian Cabra na bateria, Eduar Bedoya no sax e Alejo Gallon na guitarra. A maioria das músicas foram compostas pelo uruguaio Pilu Spagnuolo, e três criadas pelos músicos do grupo.

Em 2013, o diretor uruguaio Carlos Callero fez um documentário sobre eles, “Rodafonio. Una verdadeira arma de alegría”, no qual eu recomendo muito que vejam. Ele é em espanhol, porém é de fácil compreensão. Tem a duração de 25 minutos e depoimentos de todos os músicos e de como surgiu toda essa magia que é o Rodafonio.

Mas se engana quem pensa que eles pararam por aí, em 2014 eles montaram um novo Rodafonio, dessa vez em Buenos Aires, na Argentina. A equipe é composta por Cecilia Gerbhard na guitarra, Facundo Vacarezza no trombone e Gonzalo Suarez na bateria. Os atores são César Álvarez e Andrea Cerchiaro. Os artistas são do próprio país, exceto César, e também já fizeram uma apresentação no Chile.

001

Segundo Andrea, eles já receberam alguns convites para vir tocar no Brasil. Quem sabe não veremos eles por aqui em breve? Seria ótimo ter algo tão lindo desfilando pelas ruas do nosso país. Para eles, eu tiro o meu chapéu!

dsc_0470-imp

————————————————————————–

avatar_carolina_lacerdaCarolina Lacerda
carolinalacerda06@gmail.com

Mineira de coração, cursa jornalismo em Juiz de Fora. Ama fotografia, Chaplin e Superman. Aos vinte e poucos anos já fez quase de tudo na vida. É persistente e gosta de desafios, mesmo que eles a assustem no início. Respira música mas não toca nenhum instrumento, prefere apenas apreciar um bom som e não sai de casa sem seus fones de ouvido.

Cássia – O Filme

Cássia Eller teve sua carreira marcada na década de 90, com musicas que emplacaram e são ouvidas até hoje. Embora curta, sua trajetória na musica foi muito importante. Gravou em torno de dez álbuns em doze anos de carreira.

Estreia hoje no cinema nacional o documentário que apresenta relatos inéditos da vida de umas das maiores interpretes da musica brasileira.  O filme conta com relatos de outros músicos, também fotos e vídeos da cantora.

O longa apresentará as várias faces de Cássia, desde a cantora explosiva nos palcos a mãe carinhosa e mulher de família.  Em diversas entrevistas o produtor do filme, Paulo Henrique Fontenelle, conta que recebeu permissão e dicas da mãe e da irmã de Cássia, bem como da esposa da cantora, Maria Eugenia, e de seu filho, Francisco Eller.

Sem demonizar e nem santificar a cantora, o produtor vai traduzir através do filme a verdadeira Cássia Eller, fugindo dos padrões midiáticos e mostrando a sua grandeza.

—————————————-

avatar_gabriela_calazansGabriela Calazans

gabrielacalazanslopes@hotmail.com

Aspirante a jornalista, curiosa sempre e ansiosa por natureza! Tricolor apaixonada! Coração valente e coluna de 80. Trabalhos sociais a encantam! Ama ler. Mas é bem chata… Romances e auto-ajuda não são seu forte. Os modinhas ela deixo de lado também. Viaja em seus roteiros (mentais). Nas horas vagas alegra a vida das pessoas (ou perturba rsrs). Assiste a seus filmes favoritos repetidas vezes. Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban encabeça essa lista. Metida a técnica de informática e fã das vídeo-aulas do youtube. Sociável! Questionadora! Sonhadora! Palhacinha! Ela, Gabi!

Invenção brasileira feita de vidro, brasilidade e praticidade

Sábado de manhã, férias, Sol lá fora. Depois de uma noite “daquelas”, você acorda com um ar de preguiça (ou de cachaça) contagiante. Ainda sonolento, suas pernas o levam para o banheiro e depois para a cozinha. Olha para a geladeira mas não percebe um bilhete colado na porta. Abre e fecha, em suas mãos uma revitalizante garrafa de água. Depois de uns dois goles, abre e fecha. Neste intervalo de tempo você olha novamente para a a geladeira fechada e observa: tem um bilhete colado:

Essa é a sua semana de lavar a louça, a cozinha e a sala.

A primeira sensação que vem a sua mente é: “ah, fala sério! Vou deixar isso para mais tarde!”, mas ao invés de pensar e fazer, você reflete… “vou lavar a louça que é mais fácil e rápido, depois eu penso no resto”. E então… Eis que surge uma surpresa! A louça do bilhete, na verdade, são três pratos e cinco copos! E melhor ainda! Cinco Copos Americanos!

shn_copo_americano_gravuras_street_art

O motivo desta estória é dizer para você que, particularmente, eu possuo um prazer enorme de lavar copos, mas não qualquer tipo de copo, Copos Americanos. O motivo? São pequenos, fáceis de limpar e de guardar.

Origens…

O Copo Americano foi desenvolvido e produzido pela empresa brasileira Nadir Figueiredo e é, provavelmente, o copo de cachaça/cerveja/café mais famosa dos bares, botecos e restaurantes de todo o país. Eleito nos anos 90 como “o melhor copo para se tomar cerveja do Brasil”, na minha opinião, deveria também ganhar o prêmio do “copo mais fácil de guardar e limpar de todo o mundo!”, só perdendo, possivelmente, para o copo de pinga/tequila.

Toda essa ideia genial veio do empresário Nadir Dias de Figueiredo, que em 1940 teve a inspiração de Baco para produzir o copo multiuso. Segundo o autor, o copo é inspirado nos modelos produzidos nos Estados Unidos, porém (sabe de nada inocente) o exemplar produzido por Nadir, fez o real  sucesso é nas “terras aonde canta o sabiá” (aonde canta a cachaça).

Concordando ou não, e desconsiderando muitos copos “trabalhados” por aí, há de convir: o Copo Americano tem o seu charme. E sua praticidade também!

————————————————————————————————————

avatar_lucas_portilhoLucas Portilho
correio.portilho@gmail.com

Alguns o chamam de nerd, CDF ou geek, mas na verdade é tudo isso e mais um pouco! Tem mania de pesquisar tudo sobre tecnologia. Gosta de jogos eletrônicos e seu esporte favorito é o… Hockey Sobre a Grama (heim?). Pessoas sedentárias têm sua simpatia (afinal é uma delas). Quote: “May the force be with you, or not, you can choose!”

Primeiro trailer de Quarteto Fantástico, reboot, está no ar! Corre pra ver!

tumblr_niue0ek59f1u3ey7co5_1280

Acaba de sair o primeiro trailer de Quarteto Fantástico, filme que está previsto para estrear no dia 7 de agosto deste ano. O longa é um reboot (regravação) pois uma outra versão, com o mesmo nome, foi lançado em 2005. Contando ainda com uma continuação, em 2007, com o título O Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado.

Os dois primeiros filmes adaptados dos quadrinhos da Marvel renderam aos estúdios da Fox mais de 600 milhões de dólares. Tinha como elenco principal bons atores como Chris Evans, nosso querido Capitão América, Jessica Alba, Ioan Gruffudd e Michael Chiklis.

Desde o anúncio do reboot, as estrelas do novo Quarteto Fantástico vem causando polêmica principalmente pela mudança de etnia do personagem Johnny Storm (Tocha Humana). O novo elenco da equipe de heróis conta com Miles Teller (Sr. Fantástico,), Kate Mara (Mulher Invisível), Michael B. Jordan (Tocha Humana ) e Jamie Bell (Coisa). O filme tem como diretor Josh Trank (produtor dos mesmos estúdios de X-Men First Class).

tumblr_niuaurwxIm1r1ult6o4_400 tumblr_niuaurwxIm1r1ult6o1_400

tumblr_niuaurwxIm1r1ult6o2_400 tumblr_niuaurwxIm1r1ult6o3_400

Sinopse

O novo filme gira em torno de quatro jovens que se teleportam para um perigoso universo alternativo, o que acaba alterando suas habilidades físicas e até psíquicas. Agora é esperar pelo lançamento do longa, mas enquanto isso, você pode ver e rever o trailer do longa até cansar!

————————————————————————————————————

avatar_didi_queirozDidi Queiroz
odirenequeiroz@gmail.com

Jornalista na teoria e marqueteira na prática, se perguntasse quais são seus maiores vícios responderia chocolate e gatos. Gosta de HQs, uma boa série, cozinhar e ler muito sobre atores e atrizes. Curte de livros sobre história (principalmente sobre deuses e deusas de diversas culturas). Seu jogo favorito? Mortal Kombat!

Usando kilt, tatuagens e apetrechos do gênero punk, Badpiper é um artista literalmente em chamas

Cara de mal, corpo tatuado, veste tradicional escocesa e uma gaita de fole. Até aí podemos imaginar um verdadeiro cidadão escocês. Mas, a “figura” deste post é de outras “bandas”. Cam McAzie é um “punk” australiano naturalizado em Hilton, com o dom de transformar os clássicos do rock em timbres estridentes em sua gaita de fole no mínimo turbinada.

two

Mais conhecido como Badpiper, o músico foi descoberto em um show de talentos australiano chamado “Australia’s Got Talent“. Gestos obscenos, caretas e um bom domínio do seu instrumento musical o fez conquistar fãs no mundo inteiro. Canada, Estados Unidos, Europa e até o Japão, foram uns dos locais que o “Flautista do mal” deu as caras. Suas apresentações são realizadas em locais variados, as vezes em palcos de shows e as vezes na rua para qualquer pessoa que estiver passando no local prestigiar.

Talvez a maior curiosidade sobre o artista pode ser encontrada na sua página oficial. Segundo ele, o Badpiper está disponível para se apresentar em qualquer situação festiva: festivais, eventos corporativos, casamentos, funerais (sim, funerais), eventos sociais, eventos anti-sociais e etc.

No fundo no fundo, por trás de toda a performasse de garoto mal, Cam McAzie é um verdadeiro artista. Na sua página oficial no You Tube você pode conferir algumas “palhaçadas” que ele faz nas suas horas livres e até a sua empolgação para o lançamento do seu quarto CD intitulado Burn. Disponível para download na Amazon, e iTunes, os quatro CDs do músico possuem faixas próprias e interpretações de artistas como AC/DC e Queen.

————————————————————————————————————

avatar_lucas_portilhoLucas Portilho
correio.portilho@gmail.com

Alguns o chamam de nerd, CDF ou geek, mas na verdade é tudo isso e mais um pouco! Tem mania de pesquisar tudo sobre tecnologia. Gosta de jogos eletrônicos e seu esporte favorito é o… Hockey Sobre a Grama (heim?). Pessoas sedentárias têm sua simpatia (afinal é uma delas). Quote: “May the force be with you, or not, you can choose!”

“Polseres Vermelles”

Polseres Vermelles ou “Pulseiras vermelhas” é uma série médica de gênero dramático de origem espanhola mas falada em Catalão, criado por Albert Espinosa em 2011.

A história é narrada por Roc (Nil Cardoner), que há dois anos está em coma no Hospital Miramar.  Tudo começa com a chegada de Jordi (Igor Szpakowski), que tem câncer na tíbia e terá que amputar uma de suas pernas. Continuar lendo “Polseres Vermelles”

Coloque Alice na sua lista de livros para ler em 2015!

Eu sempre ficava naquela: Ah! Alice é um livro de criança! Que babaquice! Um belo dia cheguei a faculdade e uma colega de turma estava em dúvida sobre prosseguir no curso e então a professora virou para ela e disse: Você conhece a historia da Alice? Não – respondeu a menina.  E então ela citou uma das partes mais legais do livro onde Alice pergunta ao Gato de Cheshire qual caminho deve seguir, sem saber para onde ir. Sabiamente o gato responde que para quem não sabe aonde ir qualquer caminho serve.

Não sou muito fã de clichês, mas naquele momento essa frase soou nos meus ouvidos como aquelas frases de efeito impactantes. No outro dia comprei o livro e não consegui parar de ler! Me surpreendi em cada pedaço. A riqueza de detalhes usada pelo celebre Lewis Carrol é surpreendente!  E dá para acreditar que ele era matemático? Pois era! E essa obra tem até certas doses de matemática e física. Você não está acreditando, né? Mas podemos percebê-las nas discussões sobre relações inversas travadas entre o Chapeleiro e a Lebre, na ponderação sobre o conceito de “limite”, feita quando Alice se vê encolhendo magicamente. Obviamente que tudo de maneira muito abstrata.

Mas então por que ler Alice?

20150123_202140

Porque te faz pensar. Te remete ao mundo ilusório das maravilhas, onde tudo de mais louco pode acontecer. Onde você se perde por diversas vezes, entende-se perder não por caminhos, mas sim como desconhecer-se pessoalmente.  E, diga-se de passagem, quantas vezes não encontramos o “Coelho apressado” em nossos caminhos reais? Usando as teorias da semiótica podemos fazer traduções dos personagens para o mundo.  A escritora Ana Maria Machado diz que Alice é uma história que não adianta contar ou resumir, porque o que ela tem de divertido é o fato de conseguir fazer o leitor “pensar e sorrir ao mesmo tempo, na iluminação íntima de entender uma coisa inteligente”.

Quer uma dica para 2015? Leia Alice no País das Maravilhas! Aceita outra dica? A edição da Ed. Jorge Zahar da coleção “bolso de luxo” é linda (capa dura, ilustrações originais e contém a continuação da obra “Alice através do espelho”). Além do mais é baratinha! E se você já dispensou o formato de livro físico não tem problema, já encontramos Alice na versão digital e da mesma editora.

20150123_202009

Boa leitura!

—————————————-

avatar_gabriela_calazansGabriela Calazans

gabrielacalazanslopes@hotmail.com

Aspirante a jornalista, curiosa sempre e ansiosa por natureza! Tricolor apaixonada! Coração valente e coluna de 80. Trabalhos sociais a encantam! Ama ler. Mas é bem chata… Romances e auto-ajuda não são seu forte. Os modinhas ela deixo de lado também. Viaja em seus roteiros (mentais). Nas horas vagas alegra a vida das pessoas (ou perturba rsrs). Assiste a seus filmes favoritos repetidas vezes. Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban encabeça essa lista. Metida a técnica de informática e fã das vídeo-aulas do youtube. Sociável! Questionadora! Sonhadora! Palhacinha! Ela, Gabi!

Shots: app para os amantes de Selfie

Para os amantes de selfies, lá vai uma dica de um aplicativo bem bacana: O Shots. O app é gratuito e está disponível para Android ou iOS.

B1jJrSOCAAIyU0fCom mais de 5 milhões de instalações, o Shots tem as funções de compartilhar fotos, conversar com os amigos usando o Reply Shot, curtir a fotos, compartilhar no Twitter, Facebook e Instagram, entre outros. Você também tem a opção de personalizar o seu perfil.

Shots-of-Me-screengrabsComo usuária, a desvantagem que achei no Shots é que não é possível aplicar filtros como no Instagram. Por outro lado o Reply Shot é bem legal.

reply-shot6

 

Desafio de leitura 2015 no Goodreads. Você encara?

Tudo bem, no Brasil temos o Skoob, mas, cá entre nós, o principal site de rede social de leitura DO MUNDO é o Goodreads, e isso quer dizer que você deveria estar nele, certo?

Cada um tem suas prioridades, mas se você é estudante e lê, na minha opinião fato, dependendo do seu grau de ambição na vida, você tem muito mais chances de atingir seus objetivos. (Tudo bem, essa é uma suposição, mas baseada em indícios!). Não precisa ser uma traça de livros, mas se a leitura está inserida na sua vida de alguma forma, ótimo sinal! Se não, que bom que o ano está só começando. Dá tempo para traçar planos e arrumar um tempinho agradável, com um cafezinho do lado, para ler, ainda que devagar, aquele livro que você sempre quis ler…

catreading

“No matter how busy you may think you are, you must find time for reading, or surrender yourself to self-chosen ignorance” Atwood H. Townsend

“Não importa o quão ocupado você pensa que é, você precisa achar tempo para leitura, ou se render à ignorância imposta por si mesmo” Atwood H. Townsend

Não importa se você trabalha, estuda, cuida da casa, cozinha, lava, passa, faz estágio, cuida de 10 recém-nascidos e dois idosos, etc, etc, etc. A verdade é:

1) ninguém vai ter pena de você;

2) ninguém tem tempo.

Tempo a gente arranja quando quer, certo? E se tem uma coisa para a qual você deveria ter tempo (e não é Facebook), é para leitura. Quantos livros você realmente leu em 2014? Já parou para pensar? A população brasileira é uma das que menos lê NO MUNDO. Mais uma vez, é preciso encarar as coisas com perspectiva. Se você leu 4 livros inteiros no ano passado, parabéns. Você está na média brasileira, o que não é o pior cenário (poderia estar abaixo, né?), mas ainda é péssimo.

Tudo bem, você adora ler, mas lê pouco. Esse provavelmente é o cenário com o qual a maioria das pessoas se depara.

leitura

Então é mais uma questão de se organizar e gerar oportunidades de leitura, não é mesmo?

A leitura ainda é, queira ou não, uma das principais formas de reflexão sobre o mundo. Formular suas próprias ideias e ter capacidade crítica depende disso. Ao ver a média de leitura do brasileiro podemos entender muita coisa sobre o nosso contexto…

Pergunta 1) O que você está lendo HOJE? Ainda que você não consiga ler todos os dias, você precisa ter ao menos a leitura de UM LIVRO em andamento.

Pergunta 2) Quantos livros você pretende ler em 2015?

Felizmente a internet é a solução para qualquer problema dos leitores. Um mundo de livros está disponível na sua mão, basta escolher. Quer saber mais? Sabe aquele tempo que você “perde” se locomovendo da casa para o trabalho, do trabalho para a faculdade, da faculdade para a casa? Por favor, use-o para ouvir um audiobook! E, de quebra, treina o inglês!!

giphy

reading challengeSe este post inspirou o seu “eu leitor” a se manifestar em 2015, que tal fazer o Reading Challenge do Goodreads?

O ano vai passando e fica complicado controlar o que você está lendo, leu ou lerá. O legal do Reading Challenge é que, assim que termina de ler uma obra, você entra lá e registra. Dessa maneira você sabe se está lendo o tanto que planejou, ou se precisa se dedicar mais para cumprir a meta que estabeleceu.

E aí? Desafio aceito? Quantos livros você vai ler em 2015?

————————————————

avatar_renata_pradoRenata Prado
pradorenata@gmail.com

Multitask por natureza, é professora, pesquisadora, jornalista e doutoranda em Tecnologias de Comunicação e Cultura. Tem planos para dominar o mundo, mas boa parte do tempo fica feliz lendo um bom livro.  Ama cachorros, é vegetariana e possui sangue nerd correndo nas veias.

Ao Haru Ride, um shoujo promissor!

render_ao_haru_ride_by_clarishads-d7he2rw

Ao Haru Ride é o mais novo lançamento de mangás do catálogo da Panini 2015. O mangá que recebeu uma versão em anime está  sendo super aceito pelos inúmeros otakus (fãs da cultura japonesa) não só do Brasil como de outros países, e é a aposta da editora que a tempos não investia no gênero em nosso país, pela pouca vendagem.

Eleito ano passado como melhor e mais popular shoujo” (animes para garotas), o mangá atualmente está em seu décimo segundo volume , com tiragem de 5 milhões de exemplares em seu país de origem. O sucesso de Ao Haru Ride se compara ao de “Kimi ni Todoke”  que é referência do gênero.

Ao Haru Ride conta a história da colegial Yoshioka Futaba que por ser uma garota muito bonita e fofa é excluída pelas outras meninas, então para não sofrer mais,  decide mudar sua atitude e  torna-se mais bruta. Porém ao tomar essa atitude,  sem querer acaba afastando seu primeiro amor Tanaka-kun, que em seguida mudasse para outra cidade. Anos depois já no colegial, ela finalmente é aceita pelas meninas, mas continua distante dos meninos. Mas a chegada de um garoto pode mudar novamente seu mundo. Mabuchi Kou é na verdade Tanaka-Kun que mudou de nome, Yoshioka Futaba fica confusa ao ve-lo e descobre que a paixão a tempos guardada, ainda vive e as dúvidas voltam a aparecer…

Será que Futaba deixará seu mundinho perfeito para voltar a ser uma menina meiga e feminina, para conquistar Tanaka? ou Insistirá na ilusão de falsas amizades?

A primeira temporada do anime foi lançado no segundo semestre de 2014 e a segunda temporada é muito aguardada pelos fãs ainda este ano. Enquanto isso não acontece, vamos aguarda o lançamento pela Panini.

————————————————————————————————————

avatar_barbara_felicianoBárbara Feliciano
bfseliciano@hotmail.com

Estudante de Jornalismo da FESJF, criatura extrovertida e muito brincalhona. Apesar do gênio bipolar, é ótima pessoa. Ama as causas sociais e nada a diverte mais do que uma maratona de lançamentos de animes e mangás ^^  Nas horas vagas adora a companhia de livros, filmes, series e de pequenos projetos de artesanato e decoração.