Um mês com meu Kindle PaperWhite

Esse não é mais um review de tecnologia falando sobre produtos que custam barato nos Estados Unidos e têm preços proibitivos no Brasil. Só mesmo no Brasil um iPod Shuffle de US$49 se transforma em R$360 e um Kindle de U$119 vira magicamente um aparelho de R$479 vendido diretamente da fabricante. Produtos de massa aqui são automaticamente de elite, e é por aí que a banda toca.

Pausa para prestar meu respeito a você, que tem orgulho de ser Brasileiro, pátria amada, Brasil!! Eu estou mais para David Luiz depois de 7×0. Para os amantes de tecnologia (ou de muita coisa que rola no MUNDO!), tá difícil…

tumblr_n8f2syFLX01tgaqcto1_250

O fato é que a Amazon chegou no Brasil e eu achei que seria a revolução para os amantes dos livros. Mas na prática a evolução do mercado digital de livros nas terras tupiniquins está devagar, mas já falamos sobre o problema do brasileiro com a leitura.

Sem dúvida acesso (leia-se $$$) ao leitor digital é um problema. Seria bom se todos pudéssemos pagar um preço justo pelo produto, mas por aqui só parcelando para caber no orçamento.

Ainda assim, o Kindle Paperwhite vale cada centavo se você quiser investir em leitura. Esse leitor digital da Amazon tem preço intermediário, não sendo nem o mais caro, nem o mais barato da categoria. Na data de publicação deste post, o produto custava R$479 reais e poderia ser pago em até 12x sem juros.

kindle-paperwhite-with-special-offersVale lembrar que, se você faz questão da experiência sensorial do livro, esse pode não ser um investimento que valha a pena. Mas se seu barato é ler o máximo e gastar o mínimo (cá entre nós, viva o download), você nem deveria pensar duas vezes.

Há exatamente um mês eu comprei o meu Kindle e, desde então, já foram 7 livros lidos. O Kindle é muito mais leve que um livro de papel, e em relação ao aspecto visual e conforto de leitura, em nada fica devendo.

popup-glare-compare

Sem falar que ele não cansa os olhos, pois o display usa uma tecnologia diferente dos tablets. Ele não dá reflexo, mesmo em um dia ensolarado, ao ar livre.

feature-neverwithoutabook._V352900222_

Outra coisa muito bacana: chega de esperar a entrega daquele livro que você queria começar a ler imediatamente. Na loja da Amazon você baixa de graça um trecho do livro e, se gostar, efetua a compra com um clique. Em SEGUNDOS o livro inteiro é “entregue” no seu aparelho.

Em 2011 eu tive meu primeiro Kindle e, por um azar, ele estragou. Desde então eu penso que deveria comprar outro, pois minha quantidade de livros lidos caiu consideravelmente desde que ele deu defeito.feature-goesbeyondabook._V352900220_

Por enquanto minha teoria está se provando verdadeira no que diz respeito a livros digitais: difícil ler em tablets ou celulares, nos quais você tem distrações “convidativas” que a todo tempo interrompem a leitura, como notificações, FB e email.

O Kindle é um dispositivo dedicado (só serve para ler!), e possui recursos incríveis que fazem a gente aprender o tempo todo, como dicionários, integração com Wikipedia e uma longa lista de recursos que você provavelmente nem sabia que existiam.

Se você tem um projeto de ler mais em 2015, esse pode ser um grande incentivo!

PS: O Kindle tem integração com o Goodreads!

———————————————–

avatar_renata_pradoRenata Prado
pradorenata@gmail.com

Multitask por natureza, é professora, pesquisadora, jornalista e doutoranda em Tecnologias de Comunicação e Cultura. Tem planos para dominar o mundo, mas boa parte do tempo fica feliz lendo um bom livro.  Ama cachorros, é vegetariana e possui sangue nerd correndo nas veias

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s