Between é uma série que conta sobre um vírus assassino de adultos

A nova aposta da Netflix é a série “Between”. Escrito e dirigido por Michael McGowan (“Em Busca De Um Milagre”) conta sobre uma epidemia que se espalhou na pequena cidade de Pretty Lake. Tal praga é responsável por matar todos acima de 23 anos, restando, assim, apenas jovens. O clima da série se desenvolve a partir dos conflitos que se instalam antes das mortes e se acentuam após uma parte da região se transformar em zona de quarentena.

Between

Continuar lendo Between é uma série que conta sobre um vírus assassino de adultos

Anúncios

Rolling Girls: Viajando e conquistando o Japão!

Para quem ainda não teve a oportunidade de ver o anime de Rolling Girls, o Sala 313 Media Lab te apresenta essa turminha!

Produção fresquinha da Wit Studio, com direção de Kotomi Deai e roteiro de Yasuyuki Muto, as quatro meninas, Nozomi, Yukina, Ai, e Chiaya, vão te arrancar boas risadas em batalhas brilhantes – isso mesmo, brilhantes! 

z0sNr1H

Continuar lendo Rolling Girls: Viajando e conquistando o Japão!

Assim que aparecer uma ideia tome nota!

De onde vem as ideias? Não me refiro as ideias aleatórias, mas as boas. Os mais espertalhões vão dizer: “da cabeça né seu sonso?”, mas não é por esse lado que eu quero levar este texto. Vou lhe contar o que eu faço para ter boas ideias, e mais, o que eu faço para elas se manterem frescas o suficiente para executa-las quando forem possíveis. Falo sobre possibilidade, pois todos nós sabemos das dificuldades financeiras, técnicas e organizacionais que enfrentamos diáriamente. Infelizmente, boas ideias exigem certos recursos que, no dado momento, inviabilizam que o processo criativo “deixe o papel”.

1. Tome notas:

Parece besteira, mas o costume que os jornalistas tem de anotar tudo que as pessoas falam, as próprias ideias  e até cenários, não é por acaso. Algumas pessoas possuem a facilidade de lembrar de coisas que viram, sentiram ou tocaram, mas todos nós possuímos imperfeições. Uma delas é a capacidade de lembrar exatamente tudo que aconteceu em um dado momento e local. Coisa que, na minha opinião, é impossível de se fazer nos dias de hoje. Temos tantas atrações para nos distraír, que muitas vezes as nossas ideias se diluírem no meio de tanta informação. Acaba que, as vezes, um papel e um lápis fazem falta. – eu sempre carrego comigo um “livro de ideias”, nele eu escrevo todas as ideia interessantes que vem na minha cabeça. Te estimulo a ter algo do tipo, e que este artifícil esteja contigo sempre. 

2. Mais do que tomar notas, grave a sua voz:

Acredito que um gravador de voz seja mais utilizado por um jornalista, um profissional que zela pela fidelidade das informações. Mas e fora da profissão de comunicador? Para que serve um gravador? Eu gosto muito de ouvir rádio, música, escutar poadcasts e etc, e este gosto por sons, me instigou a comprar um gravador para que, além de tomar notas, o ato de gravar a minha voz seja um complemento para o meu aprendizado. Algumas pessoas aprendem melhor escrevendo, só lendo, ouvindo, assistindo ou interagindo, e todos os nossos sentidos participam deste processo de absorção de informação. – atualmente eu estudo inglês com um gravador de voz perto de mim, utilizo o dispositivo, principalmente, para treinar a minha pronunciação. Mas para além do estudo, você pode utilizar o gravador para registrar as suas ideias repentinas, no ônibus, na praça, ou até durante a aula. 

3. Leia, leia e leia:

A leitura é uma ferramenta mais do que poderosa para adquirir conhecimento para o desenvolvimento de novas ideias. Não adianta você ser uma pessoa criativa se “o saco está vazio”. Ter acesso à informação é algo relativamente tranquilo nos dias de hoje. Mas ser capaz de interpretar aquela informação ao ponto de instigar o desenvolvimento de novas ideias, é uma tarefa que leva tempo, disposição e até um pouco de sorte. – ao escrever este texto, eu precisei de abrir uns três jornais online para vir a inspiração de lhe aconselhar a tomar nota das suas ideias. A inspiração não veio destes sites, mas do ato de olhar para o lado e ver meu carderno de ideias. Uma dica: estímulos geram ideias! 

4. Por falar em estímulo…

Eu sou uma pessoa muito preguiçosa. E esta preguiça reflete em uma série de coisas que eu faço durante o dia. Seja na leitura de um romance, seja durante o trabalho e até na cadeira da faculdade. Eu sou uma pessoa essêncialmente noturna. Acordo às 10 horas e durmo às 3 horas da manhã. Meu cérebro só compreende que eu preciso de prestar atenção em algo, quando eu tomo um bom gole de café. Daí, vem o estímulo. – eu não o aconselho a consumir café de forma desordenada, pois caso você não saiba, a cafeína é um estimulante corporal que possui a função de reaproveitar as energias do corpo, o mesmo vale para o energético. Se você está cansado, e não teve uma boa noite de sono, nada no universo será capaz de lhe dar energia suficiente para abosorver algum tipo de informação. Descanse, concentre e tenha boas ideias!

5. A pressa é inimiga da perfeição. E das ideias também:

“Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”, já diziam os sábios. Eu não sou a pessoa mais passiente do mundo. Muito pelo contrário, sou o tipo de ser mais estressado que a natureza já teve notícia. E as vezes o acúmulo deste sentimento impede que eu tenha boas ideias. Pior do que isso, bloqueia certos tipos de informações que poderiam ser úteis não somente no campo das ideias, mas na prática do dia a dia também. – seja calmo com o que faz. Não sinta-se afobado para terminar um projeto, um estudo, um desenvolvimento de um trabalho ou ideia. Caso se sinta estressado com algo, leia um bom livro, é comprovado que a leitura é capaz de relaxar o corpo e a mente.

Espero que com estas dicas você possa criar, inventar e desvendar muitas ideias. Brevemente irei escrever sobre alguns livros que podem ajudar a você ter dias melhores e mais criativos.

Trailer de “Lucifer” é finalmente lançado pela Fox!

Baseado nos personagens de quadrinhos criados por Neil Gaiman (autor do famoso quadrinho Sandman), Sam Kieth e Mike Dringenberg (DC e Vertigo), Lucifer conta a história do anjo caído original que resolve abandonar seu posto como Príncipe do Inferno e uma vida tediosa para viver em Los Angeles, como dono de uma boate, a Lux.

Lucifer

Após presenciar um assassinato em frente a sua boate, Lucifer (Tom Ellis), pela primeira vez em anos, sente algo acordar dentro de si e se dispõe a ajudar uma detetive do LAPD, Chloe Dancer (Lauren German de Chicago Fire), o que acaba deixando o Diabo intrigado pela pureza e bondade de Chloe, que após anos lidando com o pior que a humanidade tem a oferecer, faz com que ele tenha esperança em sua propria alma.

Até que Lucifer acaba se encontrando em um jogo de guerra entre o bem e o mal onde ele é o principal jogador.

 Lucifer tem data prevista para estreia em 2016 na Fox. Porém, sem data prevista para a estreia no Brasil.

Supergirl – assista o trailer!

Seguindo a onda de adaptações dos quadrinhos, a rede de televisão americana CBS comprou os direitos para exibir Supergirl, uma série que conta a história de Kara, a prima do famoso Superman.

Estrelando Melissa Benoist (Glee), a série segue a saga de Kara Zor-El enquanto ela se transforma de uma simples garota a uma heroina.

Supergirl estréia em Novembro em uma segunda-feira às 20 horas nos Estados Unidos.

Assista o trailer e leia a sinopse oficial da CBS:


SUPERGIRL é um drama de ação-aventura baseado no personagem da DC Comics Kara Zor-El (Melissa Benoist), prima de Superman (Kal-El) que, depois de 12 anos tentando manter seus poderes em segredo na Terra, decide finalmente aceitar suas habilidades super-humanas e ser a heroína que ela sempre deveria ser. Quando Kara tinha doze anos conseguiu escapar de Krypton com a ajuda de seus pais na mesma época que Kal-El quando era um bebê. Protegida e criada na Terra pela sua família adotiva, os Denvers, Kara cresceu na sombra de sua irmã, Alex (Chyler Leigh) e aprendeu a esconder os poderes incríveis que ela possui iguais aos de seu famoso primo para que pudesse manter sua identidade em segredo. Anos mais tarde, com 24 anos, Kara vive na Cidade Nacional como assistente da mestre da mídia Cat Grant (Vencedora do Golden Globo Calista Flockhart) que acaba de contratar o antigo fotografo do Planeta Diário James Olsen (Mehcad Brooks), como seu novo diretor de arte. Entretanto, os dias de manter os talentos de Kara em segredo se acabam quando Hank Henshaw (David Harewood), chefe de uma agencia super secreta onde sua irmã também trabalha, recruta Kara para que ela os ajude a proteger os cidadãos da Cidade Nacional de ameaças sinistras. Ainda que Kara precisará encontrar formas de administrar sua nova vida com seus relacionamentos bem humanos, seu coração voa enquanto ela vai aos céus como Supergirl para lutar contra o crime. Greg Berlanti (The Flash e Arrow), Ali Adler, Sarah Schecter e Adrew Kreisberg são produtores executivos das Produções Berlanti em associação com Warner Bros. Televisão. O piloto foi dirigido por Glen Winter (Arrow).

Street League Skateboarding: mais do que um evento mundial uma iniciativa social

Eu sempre gostei de skate. Quando eu era mais novo, gostava de ligar a televisão nos finais de semana para assistir eventos como Mega Rampa, X Games e outros que eram veiculados na rede aberta de televisão . Porém, eu nunca tive a real vontade de adquirir um skate e praticar um dos esportes que mais crescem no mundo. Depois de “velho” – hoje eu tenho 22 para 23 anos, eu não me considero velho (risos) – eu montei um skate para mim, mas, sinceramente, atualmente está parado e pegando poeira – a desculpa? Falta de tempo.  É fácil encontrar pessoas que acreditam que a prática do “surf de asfalto” é de caráter mais recreativo do que de fato uma profissão. A prova de que esta suposição está completamente errada, é a existência do Street League Skateboarding.

Street League Wallpaper

Continuar lendo Street League Skateboarding: mais do que um evento mundial uma iniciativa social

Daredevil, uma série original da Netflix.

Sem dúvida nenhuma, Netflix se tornou a maior representante de conteúdo via streaming da atualidade (inclusive recentemente foi anunciado que a Netflix vale mais que algumas redes de televisão!) e produzir séries originais foi uma forma inteligente de atrair público.

Com essa onda de séries e filmes baseados em histórias em quadrinhos, a Netflix aproveitou para lançar seu próprio conteúdo. Daredevil é a primeira parte da produção da Marvel – de quatro partes que estão nos planos da empresa (AKA Jessica Jones, Luke Cage e The Defenders) – que foi lançada no dia 10 desse mês e ja ganhou seguidores de todos os lugares do mundo. Com uma crítica positiva, Daredevil já se destacou como – possivelmente – a melhor adaptação dos quadrinhos para TV.

Daredevil

Continuar lendo Daredevil, uma série original da Netflix.

“League of Legends”: um game para você viciar

Decidi (e precisava) falar sobre o vício que tem consumido minhas noites de sono. Um game que meus amigos falavam muito, mas eu não dava a mínima importância – não mesmo!!!. Qual jogo? O League of Legends – ou LoL para os mais íntimos – invadiu minhas madrugadas e me deixou completamente “viciada”.

11127988_995167087183573_651434621_n

Esse game ganhou meu kokoro (lado sentimental do coração em japonês) de uma forma um pouco diferente. Não, eu ainda não criei minha conta bonitinha. Virei diamante e jogo “like a diva”. Assisto à várias batalhas todos os dias –como quem assiste futebol fanaticamente. Penso em LoL como aquela música nova que você ouve, gosta e decide ter um relacionamento sério com o play. Continuar lendo “League of Legends”: um game para você viciar

Impossível não se apaixonar por “A Estranha vida de Timothy Green”

A Estranha vida de Timothy Green ou “The Odd Life of Timothy Green” é um filme de comédia dramática dirigido e escrito por Peter Hedges em 2012 com produção da Walt Disney Pictures.

A história gira em torno do casal Cindy Green (Jennifer Garner) e Jim Green (Joel Edgerton), que vem tentado há muito tempo ter um filho, mas não conseguem. Desesperados, elaboram uma lista contendo todos os desejos de como seria o filho ideal e colocam-na dentro de uma caixa e enterram no quintal. Após uma noite turbulenta, o casal encontra um misterioso garoto chamado Timothy (Cameron C.J. Adams), com características que se assemelham aquelas descritas na lista, mas logo percebem que o menino contém algo de muito especial.

tumblr_mfv89pdxuk1s0t73no1_500

O filme é muito bonitinho e bem reflexivo, trazendo uma bela mensagem através dos diálogos, que são bem construídos e claro, o relacionamento entre os personagens. De uma simplicidade sem tamanho, o longa ajuda a cativar quem o assisti, sem falar nos cenários que são cercados por natureza, ajudando a se conectar com o enredo.

400x300_519ec385295d4

O pequeno  Cameron, faz um belíssimo trabalho, atuando muito bem pra uma pessoa de sua idade na época. Além de ser super fofo, o modo como ele interpretou foi de emocionar qualquer um. Já Jennifer Garner, como sempre fez um ótimo trabalho.  Ela que já fez filmes como “De repente 30″, “Elektra” e “Homens, Mulheres e Filhos”, a cada dia vem mostrando ser uma talentosa atriz.

Ta aí uma ótima dica! 😉

Assista ao trailer:

——————————————–

avatar_carolina_souzaCarolina Souza
contato.carolinasouza@gmail.com

Estudante de jornalismo da FESJF, é fascinada pelo mundo nerd, mas não se considera como uma. Blogueira por experiência, além de ser loucamente apaixonada por filmes, seriados e livros, vive mais dentro de um cinema do que em sua própria casa. Depois de se formar, pretende fazer cinema e sonha em conhecer vários lugares do mundo.