Nostalgia: se lembra dos MP3, MP4, MP5, MP6?

Eram tantos! Até o final da década passada, tínhamos vários desses aparelhos que eram febre entre o público de 15 a 30 anos. Com o tempo, foram substituídos pelos smarthphones e outros gadgets. Assim como atualmente é moda trocar os modelos do iPhone, era uma prática trocar os “Mp’s” conforme iam surgindo os lançamentos. Hoje ele não são tão lucrativos, devido a existência de aparelhos que oferecem serviços de streaming e On Demand, que atualmente representam 51% das vendas digitais no Brasil.

Após esta introdução… uma curiosidade…

Já se perguntou por que existem apenas aparelhos multimídia a partir do número 3? Onde estão o MP1 e MP2? De acordo com o portal Olhar Digital, o MP1 e MP2 são formatos de compressão de arquivos de áudio que recebem, respectivamente, as extensões “.mp1″ e “.mp2″. Eles apresentam uma baixa qualidade nos arquivos comprimidos e também uma alta taxa de compressão. Devido a esses fatores, o MP1 e o MP2 não são muito utilizados para áudio. Nos anos 90, eles serviram para atender algumas necessidades de aparelhos de TV.

Então, vamos relembrar?

mp3

MP3: Entrando no mercado no início dos anos 2000, o aparelho foi um dos primeiros que utilizava a compressão de áudio que, por sinal, causava danos imperceptíveis ao ouvido humano. Com memória inicial de  512 Mb, o pequeno gadget também era utilizado para ouvir rádios e como pen drive – quem nunca foi salvo na escola ou faculdade pelo MP3?

mp4

MP4: Assemelhando ao iPod Classic, o aparelho, além de permitir ouvir música e acompanhar rádios – e de quebra servia também como pen drive – também podia armazenar e visualizar fotos e vídeos. Mas não era tão fácil assim. O usuário era obrigado a converter seus filmes para o formato AMV um outro formato similar de baixa resolução para não ter dificuldades em assistir.

mp5

MP5: Esse dava até para assistir TV! Reunindo as funcionalidades dos dois últimos, o aparelho ainda tinha câmera de dois a seis megapixels.

mp6

MP6: O gadget já apresentava uma aparência de um smarthphone, permitindo ligações, uso à internet e tinha uma câmera frontal. Era uma opção para quem não queria gastar muito com celulares.

A partir disso, os outros aparelhos (MP7, 8, 9, 10 até chegar a “60”) apenas se tratavam de um esquema de marketing propondo uma reunião de diversas funcionalidades. Os padrões de tecnologia continuam sendo os mesmos, sem nenhuma novidade ou formato de áudio, vídeo e transmissão de dados.

Hoje em dia é difícil você ver alguém utilizando algum destes aparelhos, apenas, destacando, o MP3, que ainda é muito usado por esportistas e corredores. O mundo agora é dos smarthphones, mas foi bom revê-los. E aí, qual desses você já teve?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s